Info-bixo

  • Compartilhar
  • Oficina do Estudante no Facebook
  • Oficina do Estudante no Twitter
  • Imprimir Imprimir

Redação da Fuvest traz polêmica em exposição de museu de arte

09 de Janeiro de 2018

UOL

A redação do vestibular 2018 da Fundação Universitária para o Vestibular (Fuvest), que aplica as provas da segunda fase a partir deste domingo (7), trouxe o tema “Devem existir limites para a arte?”. A coletânea trazia a polêmica da Exposição Queer Museu no Santander Cultural de Porto Alegre, que foi cancelada em setembro após ataques nas redes sociais.

Hoje, os cerca de 21 mil convocados também fazem 10 questões dissertativas de Português. Amanhã (9), a prova terá 16 questões sobre as disciplinas do núcleo comum obrigatório do Ensino Médio (História, Geografia, Matemática, Física, Química, Biologia, Inglês e questões interdisciplinares) e no dia 9 serão 12 questões de duas ou três disciplinas, de acordo com a carreira escolhida.

O vestibular seleciona alunos para 8.402 vagas, sendo 3.416 na área de Humanidades, 3.026 em Ciências Exatas e 1.960 em Ciências Biológicas. No total, a USP oferece 182 cursos de graduação.

Notas de corte
A Fuvest já havia divulgado as notas de corte do vestibular. O número mínimo de acertos, por carreira, necessário para o acesso à segunda fase aumentou em relação à edição passada do exame.

A maior nota de corte continua sendo do curso de Medicina (São Paulo), com 76 pontos, 7 a mais que na edição anterior. Depois está Medicina (Ribeirão Preto), com 72 pontos, 3 a mais do que em 2017 e Medicina (Bauru), com 69. Em seguida vem Engenharia Aeronáutica (São Carlos), com 65 pontos, 3 a mais do que no último vestibular.

UOL

A redação do vestibular 2018 da Fundação Universitária para o Vestibular (Fuvest), que aplica as provas da segunda fase a partir deste domingo (7), trouxe o tema “Devem existir limites para a arte?”. A coletânea trazia a polêmica da Exposição Queer Museu no Santander Cultural de Porto Alegre, que foi cancelada em setembro após ataques nas redes sociais.

Hoje, os cerca de 21 mil convocados também fazem 10 questões dissertativas de Português. Amanhã (9), a prova terá 16 questões sobre as disciplinas do núcleo comum obrigatório do Ensino Médio (História, Geografia, Matemática, Física, Química, Biologia, Inglês e questões interdisciplinares) e no dia 9 serão 12 questões de duas ou três disciplinas, de acordo com a carreira escolhida.

O vestibular seleciona alunos para 8.402 vagas, sendo 3.416 na área de Humanidades, 3.026 em Ciências Exatas e 1.960 em Ciências Biológicas. No total, a USP oferece 182 cursos de graduação.

Notas de corte
A Fuvest já havia divulgado as notas de corte do vestibular. O número mínimo de acertos, por carreira, necessário para o acesso à segunda fase aumentou em relação à edição passada do exame.

A maior nota de corte continua sendo do curso de Medicina (São Paulo), com 76 pontos, 7 a mais que na edição anterior. Depois está Medicina (Ribeirão Preto), com 72 pontos, 3 a mais do que em 2017 e Medicina (Bauru), com 69. Em seguida vem Engenharia Aeronáutica (São Carlos), com 65 pontos, 3 a mais do que no último vestibular.