• banner bolsa de estudo
  • banner aprovação medicina
  • banner aprovados unicamp
  • banner aprovados

Tira Dvidas

  • Compartilhar
  • Oficina do Estudante no Facebook
  • Oficina do Estudante no Twitter
  • Imprimir Imprimir

O que so e por que existem os anos bissextos?

09 de Maio de 2012

 

 

Os anos bissextos são aqueles que possuem um dia a mais, ou seja: 366 dias, ao invés dos 365 dias convencionais. Sua origem remonta ao calendário Juliano, implantado em 45  a.C, que serviu de base para o calendário gregoriano com origem no século XVI, mas ainda usado internacionalmente para o  ano civil.

 

 

 

Tomando por base o movimento de translação ( realizado pela Terra ao redor do Sol), o calendário promulgado pelo Papa Gregório  XIII, em 1582, determinou a inclusão de um dia a mais no ano -civil, a cada 4 anos, para corrigir a discrepância  com relação ao ano trópico. Isso porque o ano – trópico não possui exatos 365 dias como se convencionou para o  calendário civil. Cada ano trópico leva em conta o tempo exato que a Terra leva para completar uma volta ao redor do Sol e esse tempo é de 365 dias e 5h 48min.

 

 

Assim, para cada ano civil há um excedente de quase 6 h com relação ao ano trópico e após, 4 anos (4 x6 = 24), temos o excedente de um dia completo – daí o estabelecimento do ano bissexto.

 

Envie suas dúvidas por email, sobre assuntos cotidianos, atualidades, curiosidades e tudo mais o que achar interessante para a Oficina do Estudante, nossos professores e coordenadores irão responder para você aqui no "Tira Dúvidas":

 

imprensa@oficinadoestudante.com.br


 

 

Os anos bissextos são aqueles que possuem um dia a mais, ou seja: 366 dias, ao invés dos 365 dias convencionais. Sua origem remonta ao calendário Juliano, implantado em 45  a.C, que serviu de base para o calendário gregoriano com origem no século XVI, mas ainda usado internacionalmente para o  ano civil.

 


 

 

Tomando por base o movimento de translação ( realizado pela Terra ao redor do Sol), o calendário promulgado pelo Papa Gregório  XIII, em 1582, determinou a inclusão de um dia a mais no ano -civil, a cada 4 anos, para corrigir a discrepância  com relação ao ano trópico. Isso porque o ano – trópico não possui exatos 365 dias como se convencionou para o  calendário civil. Cada ano trópico leva em conta o tempo exato que a Terra leva para completar uma volta ao redor do Sol e esse tempo é de 365 dias e 5h 48min.


 

 

Assim, para cada ano civil há um excedente de quase 6 h com relação ao ano trópico e após, 4 anos (4 x6 = 24), temos o excedente de um dia completo – daí o estabelecimento do ano bissexto.

 

Envie suas dúvidas por email, sobre assuntos cotidianos, atualidades, curiosidades e tudo mais o que achar interessante para a Oficina do Estudante, nossos professores e coordenadores irão responder para você aqui no "Tira Dúvidas":

 

imprensa@oficinadoestudante.com.br

Conhea outras atividades

Saiba Mais